ASCES

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.asces.edu.br/handle/123456789/1697
Título: Formação superior em jornalismo: uma exigência que interessa à sociedade
Palavras-chave: Jornalismo
Formação
Jornalismo como profissão
Ética profissional
Data do documento: 2002
Resumo: Em outubro de 2001, a juíza substituta da 16ª Vara Cível da Justiça Federal de São Paulo, Carla Abrantkoski Rister, em processo de iniciativa do Ministério Público Federal Procurador da República André de Carvalho Ramos, concedeu liminar (tecnicamente tutela antecipada) extinguindo a obrigatoriedade da formação superior em Jornalismo para o exercício da profissão. A decisão, ainda em tramita- ção e sem chegar à instância final, reacendeu o debate sobre a necessidade e a especificidade da formação e sobre as implicações de ordem ética, técnica, estética e tecnológica do parecer da juíza, com suas conseq üências para a profissão, para a categoria e para a sociedade.
URI: http://repositorio.asces.edu.br/handle/123456789/1697
Aparece nas coleções:Jornalismo - Referências Bibliográficas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Livro Formação superior em jornalismo ESTÁGIO 2.pdf655,47 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.