ASCES

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.asces.edu.br/handle/123456789/632
Título: Análise do potencial antimicrobiano de uma cápsula produzida a partir da associação dos extratos secos do Allium sativum (alho) Syzygium aromaticum (cravo-da-índia) e Cinnamomum zeylanicum (canela)
Autor(es): LEÃO, Ellen Thamyres Menezes Souza
VIDAL, Gerson Henrique Cavalcanti
CORDEIRO, Risonildo Pereira
Palavras-chave: Allium Sativium
Syzygium aromaticum
Cinnamommum zeylanicum
Atividade antimicrobiana
Plantas condimentares
Data do documento: Jul-2016
Abstract: The evolution in the development of antimicrobial drugs has also brought the increase of bacterial resistance. Therefore, there is a growing search for new drugs with potential antimicrobial action. For that, reason was investigated to the interest in the study of spices species with pharmacological activities already known, garlic, indian clove and cinnamon. This study aimed to analyze the antimicrobial potential of a capsule produced from the association of dry extracts of Allium Sativium (garlic), Syzygium aromaticum (indian clove) and Cinnamommum zeylanicum (cinnamon). This is an experimental laboratory study - Observational by the Minimum Inhibitory Concentration (MIC), wells technique; antimicrobial evaluation by the dissolution in boards; and evaluation of toxicity with Artemia salina. The dry extract obtained from the indian clove, and its dual combination with garlic and cinnamon showed inhibition halo in all tested bacterial species, which are: Candida albicans, Salmonella, Staphylococcus aureus, Klebsiella and Escherichia coli. In determining the toxicity, cinnamon was presented nontoxic, garlic and indian cloves was presented with low toxicity, obtaining respectively the results 1200,43402 µg/mL, 713,60132 µg/mL and 452,89739 µg/mL, at concentrations of 50mg. It was concluded that the final product obtained, under conditions associative, has a potential antimicrobial activity, and nontoxic values for consumption. The activities of the capsules were promising, requiring the realization of others essays, preclinical.
Resumo: A evolução no desenvolvimento de fármacos antimicrobianos trouxe, também, a crescente resistência bacteriana. Assim sendo, é crescente a busca por novos fármacos com potencial ação antimicrobiana. Por esse motivo, instigou-se o interesse pelo estudo de espécies condimentares com atividades farmacológicas já conhecidas, o alho, cravo-da-índia e a canela. O presente trabalho objetivou analisar o potencial antimicrobiano de uma cápsula produzida a partir da associação dos extratos secos do Allium Sativium (alho), Syzygium aromaticum (cravo-da-índia) e Cinnamommum zeylanicum (canela). Sendo um estudo laboratorial experimental – observacional, através da determinação da Concentração Inibitória Mínima (CIM), pela técnica de poços; avaliação do potencial antimicrobiano pela dissolução em placas - pour plate e avaliação da toxicidade com Artemia salina. O extrato seco obtido a partir do cravo-da-índia, e suas associações duplas com o alho e com a canela apresentaram halo de inibição frente todas as espécies bacterianas testadas, sendo elas: Candida albicans, Salmonella, Staphylococcus aureus, Klebsiella e Eschericia coli. Na determinação da toxicidade, a canela apresentou-se atóxico, o alho e o cravo apresentaram-se com baixa toxidade, obtendo-se respectivamente os resultados de 1200,43402 µg/mL, 713,60132 µg/mL e 452,89739 µg/ mL, em concentrações de 50mg. Concluiu-se que o produto final obtido, sob condições associativas, apresenta uma potencial atividade antimicrobiana, tendo valores atóxicos para o uso. Sendo, desta feita, promissoras as atividades das cápsulas, necessitando a realização dos ensaios pré-clínicos.
URI: http://repositorio.asces.edu.br/handle/123456789/632
Aparece nas coleções:TCC - Farmácia



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.