ASCES

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.asces.edu.br/handle/123456789/354
Título: Síndrome de Wolff-Parkinson-White: uma avaliação da assistência de enfermagem
Autor(es): FREIRE, Daiana de Lima
LIMA, Gabriela Silva de
COSTA, Isabella Kariny Silva
VASCONCELOS, Renata Gonçalves de
ARAÚJO, Ladjane do carmo de Albuquerque
Palavras-chave: SWPW
Síndrome
Técnica de Laurence Bardin
Avaliar
Data do documento: Jul-2016
Abstract: Framework: Wolff-Parkinson-White syndrome (SWPW) is characterized by ventricular pre-excitation that occurs by an anomalous atrioventricular accessory pathway. Objectives: Evaluate the quality of nursing attention in patients with Wolff-Parkinson-White syndrome in biopsychosocial context of individuals affected by this pathology; Report knowledge of nursing attention in care for patients with SWPW; describe nursing care in SWPW from the perspective of clinical nurses. Methodology: A descriptive exploratory study with a qualitative approach and field research in two health institutions. 63 nurses were interviewed, their lines were analyzed using the technique of Laurence Bardin. Results: It was found that most nurses don’t know the syndrome, however know the following approved protocols of heart diseases. Conclusion: Nurses unaware of SWPW, but hold the necessary skills to carry out assistance according to the needs of patients. The nurse is involved in management functions, managerial and bureaucratic in service, which can take the main focus on the internal support, being a risk factor before complications, which in these cases, the service will be performed by unqualified practitioners.
Resumo: Enquadramento: Síndrome Wolff-Parkinson-White (SWPW) é caracterizada pela pré-excitação ventricular que ocorre por uma via acessória anômala auriculoventricular. Objetivos: Avaliar a qualidade da assistência de enfermagem em pacientes com SWPW no âmbito biossocial; relatar o conhecimento da assistência de enfermagem no cuidado ao portador de SWPW; descrever a assistência de enfermagem na SWPW sob a ótica dos enfermeiros assistenciais. Metodologia: Estudo descritivo exploratório com abordagem qualitativa e pesquisa de campo em duas instituições de saúde. Entrevistou-se 63 enfermeiros, suas falas foram analisadas utilizando a técnica de Laurence Bardin. Resultados: verificou-se que a maioria dos enfermeiros desconhece a síndrome, entretanto sabe seguir os protocolos preconizados das cardiopatias. Conclusão: Os enfermeiros desconhecem a SWPW, mas detêm a habilidade necessária para realizar assistência de acordo com as necessidades dos pacientes. O enfermeiro está envolvido em funções de gestão, gerenciais e burocráticas no serviço, que podem tirar o foco principal na assistência ao interno, sendo um fator de risco diante de intercorrências, onde nesses casos, o atendimento vai ser realizado por profissionais não qualificados.
URI: http://repositorio.asces.edu.br/handle/123456789/354
Aparece nas coleções:TCC - Enfermagem

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ProjetoSWPWARTIGO(Finalok).pdf152,17 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir    Solictar uma cópia


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.