ASCES

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.asces.edu.br/handle/123456789/344
Título: Os efeitos da cinesioterapia laboral em motoristas de ônibus com lombalgia do município de Caruaru-PE
Autor(es): SILVA, Dílian Maria Bezerra da
GALDINO, Edlen Camilly Oliveira
SILVA, Maria Aparecida da
SOUZA, Carlos Eduardo Alves de
Palavras-chave: Lombalgia
Postura
Exercícios de Alongamento Muscular
Data do documento: Jul-2016
Abstract: Introduction: The lumbar pain is a common symptom that affects about 80% of the brazilian population; being characterised on the productive life period of the individual, specifically in some professions, such as the example of bus drivers which stays seated most of their workday. Objective: Evaluate the efficiency of the labour kinesiotherapy in pain, flexibility and the muscular strength in bus drivers in one company from the city of Caruaru-PE. Methodology: The study was conducted with 30 drivers who were submitted to the labour kinesiotherapy. On the evaluation, it was carried out the application of the Visual Analog Scale (VAS), physical exams and sociodemographic questionnaires. Results: The values demonstrated a significant reduction of the pain after the exercises performed with the intervention group and the improvement of the flexibility. Conclusion: In this study, the biggest part of the bus drivers had improved flexibility and the muscular strength on the torso flexion, and a decrease of the pain levels. Key-words: lumbar pain; posture; Muscle Stretching Exercises.
Resumo: Introdução: A dor lombar é um sintoma comum que afeta cerca de 80% da população brasileira; sendo caracterizada no período de vida produtivo do indivíduo e especificamente algumas profissões, como a de motorista de ônibus, por permanecer na postura sentada durante a maior parte do tempo de sua jornada diária. Objetivo: Avaliar a eficácia da cinesioterapia laboral na dor, flexibilidade e força muscular em motoristas de ônibus em uma empresa de Caruaru-PE. Metodologia: O estudo foi realizado com 30 motoristas que foram submetidos à cinesioterapia laboral. Na avaliação, foram realizados a aplicação da Escala Analógica da dor (EVA), exame físico e questionários sociodemográficos. Resultados: Os valores demonstram a redução significativa da dor após os exercícios realizados no grupo de intervenção e a melhora da flexibilidade articular. Conclusão: Neste estudo, a maioria dos motoristas de ônibus apresentou melhora da flexibilidade e força muscular na flexão do tronco, e, diminuição dos níveis álgicos.
URI: http://repositorio.asces.edu.br/handle/123456789/344
Aparece nas coleções:TCC - Fisioterapia



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.