ASCES

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.asces.edu.br/handle/123456789/1440
Título: Análise físico -funcional entre jogadores de futebol e futsal para detectar instabilidade e dores nos joelhos.
Autor(es): LIMA, Beatriz Sandres de
LIMA, Flávia Soraya de
SILVA, Monique Dayanna Soares
Palavras-chave: Futebol
Joelho
Instabilidade
Articular
Data do documento: 30-Jun-2018
Resumo: Introdução: O futebol é o esporte que envolve contato físico, movimentos curtos e não contínuos. Os atletas são treinados em seus limites máximos, ficando suscetíveis às lesões. O futsal é um esporte de ascensão mundial e um dos mais praticados no Brasil. Nessa modalidade são realizados esforços de alta intensidade e de curta duração. Objetivo: Verificar a presença de dores e instabilidade nos joelhos, através de testes clínicos e físicos, entre jogadores de futebol e futsal de Caruaru-PE. Métodos: Foi realizado um corte transversal em praticantes de futebol e futsal, através de uma análise físico-funcional, com objetivo de detecção sugestiva de instabilidade de joelhos, através de testes especiais e físicos. Os dados foram processados e analisados Epi-Info 6.04. Os dados foram calculados foram calculados as médias, valores máximos e mínimos, desvio-padrões, frequências absolutas e relativas. Resultados: A instabilidade articular nos joelhos esteve presente nos dois grupos estudados, tendo menor frequência em jogadores de futebol apresentando 36,6% de positividades para os testes especiais, a maior frequência foi encontrada em jogadores de futsal (43,75%). Na dor nos joelhos, 75% dos jogadores de futebol referiram e 100% dos jogadores de futsal apresentaram esta sintomatologia. Conclusão: De acordo com os resultados encontrados nesse estudo, atletas que necessitam de saltos, corridas com mudanças de direção, torção e arranque rápido são mais propensos a adquirirem dor e instabilidade. Conclui-se que a instabilidade articular dos joelhos apresentou maior frequência em jogadores de futsal, além disso, a presença de dor na articulação do joelho apresentou maior prevalência também neste grupo.
URI: http://repositorio.asces.edu.br/handle/123456789/1440
Aparece nas coleções:TCC - Fisioterapia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TCC CORRIGIDO PDF.pdf450,4 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir    Solictar uma cópia


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.