ASCES

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.asces.edu.br/handle/123456789/263
Título: Abordagem policial e a fundada suspeita
Autor(es): NASCIMENTO, Crislayson Bruno Penaforte do
Palavras-chave: Polícia
Busca pessoal
Fundada suspeita
Abordagem
Data do documento: 2-Jun-2016
Resumo: O presente trabalho trata do entendimento acerca da fundada suspeita na atividade policial no Estado democrático de direito: parâmetros e limites Constitucionais. O tema se mostra capcioso na medida em que diz respeito aos direitos fundamentais dos cidadãos submetidos à Buscas Pessoais e a indiscutível necessidade de se estabelecerem parâmetros e limites mais claros para a atuação da autoridade policial, a fim de se resguardarem de maneira maximizada tais direitos, bem como a própria legalidade da realização das diligências. Tais parâmetros e limites da atuação policial na condução de Buscas Pessoais de cidadãos ainda é bastante sombria, tendo em vista a modesta regulamentação dada ao instituto no Código de Processo Penal, que apenas fundamenta as Buscas Pessoais em uma “fundada suspeita” da autoridade policial. Apesar da discussão ser intensa, o tratamento legal da questão é insuficiente e há pouco material doutrinário produzido especificamente acerca do assunto. Ainda, percebe-se um tratamento superficial pela jurisprudência sobre o que viria a ser a “fundada suspeita” (absolutamente subjetivo) que fundamenta e legitima a Busca Pessoal pela autoridade policial. Assim mostra-se evidente a lacuna legal e a pouca discussão doutrinária a respeito do instituto da Busca Pessoal e da “Fundada Suspeita” que é sua motivação.
URI: http://repositorio.asces.edu.br/handle/123456789/263
Aparece nas coleções:TCC - Direito

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Mon. Bruno Penaforte.pdf525,29 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.